De acordo com o cientista Milton Wainwright, sua descoberta mais recente é uma prova irrefutável da existência de vida extraterrestre.

Na imagem, é possível observar uma formação de carbono e oxigênio, que, segundo ele, teria feito parte de, ou teria sido por si só, um organismo vivo.

A partícula foi descoberta quando Wainwright analisava os componentes coletados a mais de 27 quilômetros da atmosfera. É pouco provável que elementos terrestres cheguem a essas alturas, e a partícula não apresentava sinais de erosão ou poluição. Por isso, o pesquisador concluiu que sua origem é extraterrestre.

Milton Wainwright não é o único convencido sobre a existência de vida fora do planeta Terra. Ele conta com o apoio científico de especialistas, como o ex-funcionário da NASA Richard Hoover, que considera indiscutível a existência de vida em outros planetas; e de eventos documentados, como a descoberta recente de um pequeno micro-organismo – similar ao plâncton – na superfície da Estação Espacial Internacional (EEI).

No entanto, nenhum desses fatos ou afirmações podem trazer certeza científica sobre a existência de vida em outros planetas. Ainda há muito por saber e pesquisar.

Fonte: History

Related Posts